Com a faca e o queijo na mão, JEC enfrenta o Camboriú na Arena

Com a derrota do Criciúma, e o empate entre Figueirense e Chapecoense, o Joinville entra em campo contra o Camboriú sabendo que uma vitória o fará dar um grande passo rumo ao título do segundo turno, e que consequentemente dará vaga na final.

Elenco no treino realizado na última sexta-feira, na Arena. Foto: Divulgação/JEC
Elenco no treino realizado na última sexta-feira, na Arena. (Foto: Divulgação/JEC)

Após a vitória contra o Avaí, no último sábado, o técnico Hemerson Maria teve uma semana cheia para preparar seu time. Na última entrevista, o comandante tricolor frisou que precisa haver um preparo mental, e ressaltou a volta por cima que o elenco deu. Com 4 vitórias e um empate, o JEC possui 13 pontos, podendo assumir a liderança nessa rodada, mas para isso, “basta” vencer o Camboriú.

Ninguém está suspenso pelo lado tricolor, e apenas Héracles está no DM, que no caso é o único desfalque. Em relação a última partida, o Joinville mudará em três posições: Felipe Alves entra no lugar de William Paulista (Graças a Deus), Victor Oliveira toma o lugar de Rafael Donato e Mário Sérgio dará lugar para Edson Ratinho. Sobre a mudança na zaga, o professor Maria justificou com o argumento de que ganha na saída de jogo, já que Victor Oliveira é canhoto, porém, ressaltou que perde na bola aérea, tanto ofensiva como defensiva.

Hemerson Maria falando sobre o jogo desse domingo (3/04). Foto: Divulgação/JEC
Hemerson Maria falando sobre o jogo desse domingo (3/04).                                             (Foto: Divulgação/JEC)

Dito isso, vamos as prováveis escalações de Joinville e Camboriú:

JOINVILLE: Agenor | Edson Ratinho, Bruno Aguiar, Victor Oliveira e Diego | Naldo, Kadu e Anselmo | Ítalo Melo, Juninho e Felipe Alves | Hemerson Maria;

CAMBORIÚ: Rodrigo Rocha | Rhuan, Vagner, Lucas Montelares e Badé | Eurico, Cadu, Luiz Renan e Hegon | ALDAIR e André Lima | Rony Aguilar.

Uma promoção de ingressos foi feita, bilhetes foram disponibilizados ao preço de R$ 20, e foram vendidos mais de 200 ingressos. A expectativa é de um público melhor em relação aos últimos jogos, talvez na casa de 8 mil pessoas.

O comandante do apito será Rodrigo D’Alonso Ferreira, que será auxiliado por Helton Nunes e Maira Americano Labes. O jogo será na Arena Joinville e tem seu início marcado para as 16 horas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *