Joinville x Cruzeiro: Confira tudo sobre o jogo de hoje

Hoje o Joinville recebe o Cruzeiro às 21h na Arena Joinville em partida válida pela 18ª rodada do Brasileirão Série A 2015. Com as recentes mudanças e o clima ficando mais leve, o JEC abre a “maratona” de jogos: serão 12 em 40 dias, alternando entre Campeonato Brasileiro e Sul-Americana. O Cruzeiro, atual bicampeão brasileiro, não vive seu melhor momento na competição, oscila bastante e figura na metade de baixo da tabela próximo à zona do descenso. O Joinville, mesmo com o clima mais leve, precisa aproveitar a irregularidade do adversário e vencer hoje em casa para continuar a caminhada rumo à uma posição fora da zona de rebaixamento. Promessa de uma partida disputada hoje na Arena Joinville. A equipe Sou JEC coletou algumas informações para você que nos acompanha. Confira!

CURIOSIDADES:

  • O técnico PC Gusmão continua invicto no comando do Joinville. Nos 2 jogos em que comandou a equipe tricolor, venceu o clássico contra o Avaí e empatou fora de casa contra o Vasco.
  • O Cruzeiro foi o último adversário do Joinville no Brasileirão de 1986, que eliminou o tricolor e “tirou” o JEC da Elite do futebol brasileiro. Depois disso, as equipes nunca mais se enfrentaram. 28 anos mais tarde, Joinville e Cruzeiro se encontram na Arena Joinville
  • Após a eliminação para o Cruzeiro em 1986, o Joinville terminou na 12ª colocação geral e no ano seguinte foi colocado no módulo amarelo da competição, considerada a segunda divisão, em uma das tantas mudanças de regulamento ano após ano. De lá pra cá, o JEC decaiu, chegou a ficar sem disputar torneios nacionais. Porém ressurgiu, conquistou três acessos em cinco anos, os títulos da segunda e da terceira divisões e está de volta à elite para reencontrar os cruzeirenses.
  • Enquanto o Joinville viveu a decadência, o Cruzeiro fez o caminho inverso: a equipe celeste seria campeã do Brasileirão três vezes e conquistaria a Libertadores, em 1997.
  • Na história dos confrontos, o Cruzeiro leva uma ligeira vantagem em campeonatos brasileiros diante do JEC: 1 vitória a favor da equipe mineira e 2 empates (08/03/1980 – Cruzeiro 2 x 1 Joinville;  01/02/1987 – Joinville 1 x 1 Cruzeiro (válido pelo Brasileirão de 1986)  e 05/02/1987 – Cruzeiro 1 x 1 Joinville (válido pelo Brasileirão de 1986)).

TABELA:

  • O Joinville ocupa a 19ª colocação, ficando na frente apenas do Vasco. Uma vitória mínima do tricolor nos leva à 17ª colocação, a 4 pontos de sair da zona de rebaixamento.
  • O Joinville tem 13 pontos alcançados com 3 vitórias, 4 empates e 10 derrotas. O tricolor marcou 9 gols e sofreu 19.
  • O Cruzeiro está na 14ª posição da tabela. Uma derrota hoje diante do JEC não prejudica a equipe mineira, desde que o Avaí também perca pra Ponte Preta.
  • O Cruzeiro tem 21 pontos conquistado pelas 6 vitórias, 3 empates e 8 derrotas. A equipe mineira marcou 15 gols e teve sua meta vazada 14 vezes.

EQUIPE DE ARBITRAGEM:

Leandro Pedro Vuaden, do Rio Grande do Sul, apita o duelo, auxiliado por Ivan Carlos Bohn, do Paraná, e Lucio Beiersdorf Flor, também gaúcho.

RELACIONADOS:

  • O Joinville de PC Gusmão deve ser escalado com:

Agenor; Mario Sérgio, Bruno Aguiar, Guti e Diego; Naldo, Anselmo e Kadu; William Popp, Marcelinho Paraíba e Edigar Junio.

  • O Cruzeiro de Vanderlei Luxemburgo deve enfrentar o JEC com:

Fábio; Mayke (Léo), Manoel, Paulo André e Mena (Fabrício); Willians, Charles, Henrique e Alisson; Marinho e Vinícius Araújo.

DESFALQUES:

  • Joinville: Marcelo Costa e Kempes estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Douglas Silvas e Ricardo Bueno se recuperam de dores musculares. Fabrício está em fase final de recuperação de lesão muscular. Dráusio, Joãozinho, Héracles, Geandro e Renato estão lesionados.
  • Cruzeiro: Ceará, Dedé, Willian Farias, Júlio Baptista e Judivan. estão no Departamento Médico do clube.

PENDURADOS:

  • Joinville: Dankler, Diego e Marion.
  • Cruzeiro: Marcos Vinícius, Marinho e Pará.

*Vale lembrar que os dados podem sofrer alterações antes do jogo, como as escalações dos jogadores. As informações sobre a tabela são apenas uma estatística aproximada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *